Swimming pool with jacuzzi at the beach of modern luxury villa, Crete, Greece

INTRODUÇÃO

As piscinas precisam de cuidado e manutenção para se conservarem em perfeitas condições de transparência e desinfecção.

Os utilizadores da piscina (banhistas) e os factores climatéricos (chuva, sol e vento) vão introduzindo na água da piscina microrganismos e contaminantes que podem prejudicar os utentes e causar deteriorações tanto no interior da piscina como na sua instalação.

Com a ajuda do sistema de filtragem/depuração elimina-se grande parte da sujidade anteriormente introduzida, mas o desenvolvimento de bactérias, algas e vírus, só podem ser eliminados com a correcta adição de produtos químicos.

LOCAL TÉCNICO NA CASA DAS MAQUINAS

A sujidade proveniente do ar, dos banhistas, …, é a causa da água turva que se converte em alimento para as bactérias e algas; por isso, será necessário elimina-la com a ajuda do equipamento de filtragem.

A Filtração é um tratamento físico que se destina a remover a sujidade da água da piscina, mantendo a água transparente e cristalina.

É importante que o filtro trabalhe em boas condições e que todo o volume de água da piscina seja filtrado, pelo menos, 1 vez por dia.

Este tratamento consiste em fazer passar toda a água da piscina por um filtro carregado, normalmente com areia sílica, que retém as partículas em suspensão.

CAPACIDADE DA PISCINA

Antes de aplicar qualquer produto químico à água da piscina é necessário conhecer a sua capacidade de água em m3.

Só desta forma se poderá fazer a dosagem correcta dos produtos a introduzir na sua piscina.

O pH é um factor muito importante, uma vez que influência a acção desinfectante do cloro, o conforto dos banhistas e o estado da instalação da sua piscina. O pH indica o grau de acidez ou a alcalinidade da água. Na piscina deve-se mantê-lo ajustado entre os valores de 7,2 a 7,6 ppm.

Este intervalo de pH, além de conservar a instalação em óptimas condições, é o ideal para a pele e olhos dos banhistas.

Para o manter entre estes 2 valores, deve-se analisar a água da piscina com o kit de análises de cloro e pH. Se, no resultado, o valor do pH for inferior a 7,6, junte à água pH menos; caso seja inferior a 7,2, junte à água pH mais.

NÃO É ACONSELHÁVEL TER O PH DESAJUSTADO

Cloro -A água, mesmo estando clara e transparente, pode conter no seu interior bactérias e vírus transmissores de doenças e infecções.

Assim, é necessário desinfectá-la, a fim de eliminar todos os microrganismos presentes.

Ao juntar Cloro na água da piscina, parte deste é consumido imediatamente, ao destruir os contaminadores que se encontram na água; o restante permanece na água como cloro residual, preparado para actuar contra todos os novos contaminadores que são introduzidos na piscina através do vento, dos banhistas, ou por qualquer outro meio.

Para assegurar uma boa desinfecção da água da piscina, o cloro deve situar-se entre os valores de 0,6 a 1,5 ppm.

O consumo do cloro varia com a temperatura, a incidência solar, a quantidade de banhistas, a poluição, etc.

Por estas razões é necessário proceder regularmente à sua análise, feita por meio do kit de análises de cloro e pH.

ANTIALGAS

As algas são organismos vegetais unicelulares que podem desenvolver-se e multiplicar-se rapidamente na água, principalmente quando a temperatura da água é morna.

As algas reproduzem-se na água da piscina através do vento, chuva e outros agentes atmosféricos. Para prevenir o seu desenvolvimento, além do desinfectante (cloro ou oxigénio), deve ser usado o produto de Antialgas.

FLOCULANTE

O Floculante è um produto químico destinado a agrupar todas as micropartículas de sujidade que tornam a água turva e a água colorida (provocada pela existência de sais de ferro, manganês e/ou cobre, consoante a água utilizada no enchimento da piscina).

Após utilização deste produto deve-se aguardar 10 horas para que a floculação ocorra, proceder à aspiração do fundo com a eliminação da água aspirada.

OXIGÉNIO ACTIVADO

Produto químico com base não oxidante, próprio para as piscinas aquecidas e para tratamento de águas quando haja pessoas alérgicas ao cloro;

IONIZAÇÃO

Mecanismo baseado na emissão de iões de cobre para a purificação da água da piscina;

ÁGUA SALGADA

Mecanismo de desinfecção através de electrólise do sal.

Faça o Download do Manual de Manutenção de Piscinas

pdf